Dicas de Finanças Pessoais para controlar Seu Dinheiro!

Como cuidar do seu dinheiro. Investir seu dinheiro. Como fazer seu dinheiro render. Como administrar seu dinheiro. Controle o seu dinheiro com finanças

Dicas de Finanças Pessoais para controlar Seu DinheiroVocê têm dinheiro? O dinheiro controla você ou você controla o seu dinheiro, quem controla quem? O termo finanças pessoais ainda assusta muita pessoas, mas significa nada mais nada menos do que o controle de despesas e receitas de sua vida pessoal, é neste item que você irá determinar se você controlará seu dinheiro ou se ele controlará você.

Quando se fala em controle orçamentário muitos pensam que para entender e praticar o assunto precisa-se de um diploma, curso superior ou de um contador, pois estão enganados. Meus primeiros conceitos de finanças pessoais eu aprendi antes ainda de frequentar a escola, com minha mãe, que apesar de não ter sequer o segundo grau completo, é mestra em economia doméstica. Os grandes segredos que me foram revelados e que agora repasso a vocês são muito simples e não exigem nenhuma formula mágica:

1 -) Nunca gaste mais do que você ganha: Nesse momento você deve estar se perguntando, com gastar pouco? Tenho tantas contas, e tudo está tão caro! Assim entramos no segundo conselho.

2 -) Realmente preciso disso: Para gastar menos precisamos praticar e realizar um grande exercício no momento de comprar algo, independente do valor a ser gasto. Pergunte-se você realmente precisa disso? Nem sempre compramos só o que precisamos, e muitas vezes compramos porque está barato e vale a pena. Mas neste momento precisamos ponderar se vale a pena ficar em débito com cartão de crédito, por um sapato novo, um jogo de videogame, rodas novas para o carro, etc…

3-) Valorize seu dinheiro: Valorize cada centavo que ganhar e no momento em que precisar comprar algo, pesquise bem. Os preços variam muito de loja para loja, não tenha vergonha, pesquise, avalie, pechinche. Afinal o dinheiro que você está usando é seu, ganho com seu trabalho e esforço e se você não o valorizar ninguém o fará.

4 -) Anote todas as despesas: guarde nota de tudo que comprar e para o que não tiver nota coloque em um caderninho, isso é fundamental para que você ao final do mês olhe e reveja tudo que gastou, para que saiba onde você investiu seu dinheiro. Isso o ajudará a observar se houve gasto desnecessário, para que tome mais cuidado da próxima vez.

5 -) Cartão de crédito: É útil, mas na medida certa: ter cartão de crédito não significa que você deva gastar o limite todos os meses e tampouco que precisa se endividar com ele. Não tenha medo do cartão, apenas saiba que ele pode ser vilão ou mocinho dependendo do uso que fizer dele. O uso consciente do crédito e do seu dinheiro é a melhor saída, então planeje os gastos, coloque no cartão apenas o que realmente for necessário e nunca esqueça que mesmo comprando no cartão terá de pagar depois.

Veja bem, controlar seu dinheiro contra o consumismo é a parte mais difícil, e frear os desejos de comprar não é ser miserável e sim ter consciência do que se está adquirindo. Deixei aqui algumas dicas básicas que podem mudar sua vida financeira se optar por compreendê-las, mas apenas pensar nelas não mudará sua conta bancária, precisa colocar em prática todos os dias, diariamente até virar hábito. Mostre para o seu dinheiro que você tem o controle sobre ele, e mãos à obra!

Comente aqui !