Skip to content

Financiamento de veiculo com parcelas atrasadas – O que acontece?

As parcelas atrasadas do financiamento veículo pode trazer sérias consequências ao nome que consta no contrato de crédito feito com o banco.  Independentemente da situação do consumidor, é preciso manter os pagamentos em dia para evitar grandes problemas no futuro. Se você não consegue, então confira aqui as consequências e possíveis soluções para esse impasse.

Não pagar as parcelas atrasadas do financiamento realmente pode significar um problema grande para o cliente. E o primeiro item dessa lista é justamente o risco de perder o veículo, de ter ele retomado pelo banco ou financeira que realizou o empréstimo. Vamos entender melhor isso e outras consequências nos tópicos a seguir.

Veículo pode ser tomado e penhora do por ter parcelas atrasadas?

Não há um padrão para realizar a retomada do bem que está com parcelas atrasadas do financiamento veiculo. As financeiras e bancos, normalmente, iniciam esse processo a partir de segunda e até terceira parcela. Essa ação acontece principalmente quando não se consegue mais contato com proprietário do veículo.

Veiculo retomado pelo banco ou financeira cancela a dívida?

Não. Nada disso e isso é um mito bem comum entre pessoas que estão financiando um bem desses pela primeira vez. Ao contrário do que se imagina, a retomada do bem por conta das parcelas atrasadas do financiamento veiculo não anula a dívida.

Financiamento de veiculo com parcelas atrasadas - O que acontece?
Para ser mais claro, a dívida do carro continua rolando até o veículo ser resgatado. Depois da busca e apreensão, o que ficou em aberto precisa ser quitado e aí é que o banco envia o veículo para leilão.

Veículo caçado e retomado vai à leilão

O veículo apreendido é enviado a um leiloeiro. O profissional então faz o leilão, coloca o preço mínimo indicado pelo banco, é o lance para começar a negociação do veículo. Esses veículos costumam estar em bom estado e são disputados entre os compradores. Mas isso nem sempre é garantia de que a conta aberta pelo antigo dono será coberta nesta negociação.

Quando o veículo retomado é leiloado, ele necessariamente pode não cobrir todo o valor da dívida. É exatamente neste ponto em que ela ainda pode constar em aberto, ainda que sobre um valor simbólico, menos que R$ 500 reais.

Dívida de financiamento pode ficar em aberta?

Se a dívida em aberto que você tinha com o banco for de R$ 15 mil, valor referente ao carnê que ainda não foi pago, e o veículo foi vendido por R$ 10 mil, na prática você está em débito.

O banco naturalmente vai cobrar o valor que está em aberto, seja ele qual for. Portanto, não espere que a venda do veículo no leilão seja a solução. Se isso acontecer com você, lembre-se que o risco da dívida permanecer é grande.

Leia também:
O que precisa para conseguir um financiamento de carro
Como fazer refinanciamento de veículo financiado
Financiamento e refinanciamento de veículos pesados

Fica com nome sujo e outros impedimentos se não pagar financiamento

Se  você deixou de pagar o financiamento, certamente vai ter o nome negativado e cadastrado no SPC ou Serasa. O nome sujo se torna um problema para quem está endividado, pois normalmente são poucos os bancos que fazem empréstimo para essas pessoas.

Além de ser difícil encontrar crédito no mercado, o cidadão ainda encontra outro prejuízo pela frente: as taxas de juros. Normalmente, os bancos que realizam esse tipo de empréstimo consideram o risco alto demais e as taxas acabam sendo mais elevadas. De fato, pesam mesmo no bolso do consumidor ao longo dos pagamentos.  Na prática, empréstimos de R$ 3 mil reais acabam saindo por mais de R$ 10 mil, apenas um exemplo.

Planeje-se financeiramente para fazer um financiamento

Ninguém merece pagar um carro que já nem está mais em mãos. Portanto, a dica dos especialistas é sempre tentar se organizar financeiramente, principalmente antes de ingressar em um financiamento. Além disso, não comprometa mais de 30% da sua renda total com dívidas altas, como a prestação do veículo.

Não é vantagem deixar rolar as parcelas atrasadas do financiamento veiculo. Já vimos até aqui que a dor de cabeça é grande e os juros vão rolando até a retomada do bem. Fique sempre em contato com a financeira, renegocie parcelas atrasadas ou até mude a data do vencimento, caso seja possível.

O ideal é sempre buscar ações para evitar o problema, inclusive revendendo o bem para terceiros, seguindo as orientações da financeira ou refinanciando. Remediar sempre é mais amargo e pode realmente sair mais caro, principalmente em financiamentos de automóveis e imóveis.

Financiamento de veiculo com parcelas atrasadas – O que acontece?
Média 4.715 votos