Conecte-se conosco

50 hábitos com finanças pessoais que todos deveriam seguir

Dizem que ter bons hábitos com finanças pessoais é o que define uma pessoa bem sucedida de endividados que são pessoas indisciplinadas financeiramente. Então se esse é o seu caso, começar gastando menos do que você ganha todos os meses pode ser o início para ter bons hábitos. De vez em quando postamos alguns artigos sobre hábitos financeiros como conselhos que devem ser observados e repetidos.

Como ter bons hábitos com finanças pessoais ?

Eu também tenho maus hábitos, todos tem, mas diminuir esses maus hábitos torna a vida menos complicada. Por exemplo, eu costumo morder minhas unhas quando eu fico estressada, também tenho uma forte inclinação em abrir meu armário para pegar um docinho ou chocolate escondido. As vezes é mais forte do eu!

Mas, pensa nisto, como seria bom se houvesse uma fórmula mágica ou um truque fácil que nos fizesse nunca mais ter que se preocupar com maus hábitos ou o de conseguir dinheiro novamente! Se você está cansado de estar constantemente estressado com dinheiro, então talvez seja hora de se apossar das suas finanças de vez.

Mesmo mordendo as unhas e comendo docinhos cheios de açúcar e carboidratos, eu também tenho muitos bons hábitos. Talvez não por coincidência, eu tive que aprender e muitos deles estão relacionados com as minhas finanças pessoais.
50 hábitos com finanças pessoais que todos deveriam seguir
Espero que você aprenda a ter bons hábitos pessoais com essas dicas de finanças para controlar seu dinheiro. Veja nessa lista quantos deles podem se aplicar a você:

50 hábitos com finanças pessoais para controlar seu dinheiro

1. Acompanhar as suas receitas (renda) e despesas.

2. Cuidado para não exceder seus gastos mensais mais do que ganha de salário ou renda.

3. Preste atenção às taxas de juros do seu banco, financiamento ou empréstimo pessoal – mesmo depois de contratar qualquer tipo de empréstimo, tem como refazer. As pessoas que não estão atentas podem perder oportunidades de realizar o refinanciamento, transferência ou portabilidade de crédito, essa manobra financeira pode poupar-lhe dezenas de milhares de reais durante a período do prazo do empréstimo.

4. Nunca compre nada por impulso. Uma das melhores maneiras de ajudar a evitar isso é fazer uma lista de compras necessárias e depois cumpri-la.

5. Abrir todas as cartas e contas de consumos quando elas chegarem pelo correio.

6. Automatizar ou pagar suas contas online sempre e quando for possível. Se puder pagar pelo cartão, aumenta suas chances de conseguir pontos e benefícios extras.

7. Faça pesquisas de consumo antes de comprar qualquer produto ou serviço.

8. Evite as garantias estendidas e seguros adicionais, nem sempre é vantajoso.

9. Pague sempre as faturas do cartão de crédito em dia, elas geralmente vêm com taxas elevadas na próxima fatura quando você deixa de pagá-las integralmente tornando suas compras e uso do cartão extremamente caro.

10. Guarde parte de sua renda para uma aposentadoria ou pagar uma previdência privada. Tente economizar pelo menos 10% de cada salário ou pagamento por trabalho executado. Nunca é tarde para começar.

11. Mantendo pouco dinheiro na sua carteira.

12. Compre apenas o que for usar, fazer estoque sem necessidade é dinheiro jogado fora.

13. Tenha uma estratégia de investimento básica. É difícil reconhecer o momento certo para reduzir suas perdas quando investe, mas tente tirar mais lucros com menos riscos, o investimento da Biva online em peer-to-peer e da Easynvest plataforma de investimento pode ser uma boa.

14. Nunca acredite que bons desempenhos do passado garante bons resultados futuros.

15. Aproveite as deduções fiscais automáticas do seu salário. Isto é uma maneira fácil e tranquila de poupar mais dinheiro para sua aposentadoria do INSS.

16. Leia todo e qualquer contrato antes de assinar na linha indicada.

Planeje suas finanças e gastos com antecedência

17. Planeje seu almoço e jantar com antecedência. Nós fazemos isso em minha casa porque é uma maneira extremamente eficaz de reduzir nossas despesas mensais de alimentos.

18. Revise seus extratos bancários e faturas do cartão de crédito e verá quanto a erros e encargos errôneos são aplicados propositadamente.

19. Mantenha o controle da suas finanças e tenha um orçamento bem definido. A maioria das pessoas, quando se trata de gerenciar seu dinheiro não fazem nenhum planejamento, isto é o mesmo que saber que vai falhar.

20. Siga fielmente seu orçamento financeiro doméstico. Uma coisa é criar um orçamento e cumpri-lo, mas se você não tem disciplina para por em ação – então porque se incomodar com isso?

21. Aumente suas contribuições para aposentadoria pagando por fora para ter mais renda quando ela chagar.

22. Mantenha seu carro em ordem. Ao seguir o cronograma de manutenção do seu carro, você reduz o risco de enfrentar problemas de manutenção mais caros.

23. Pague todas suas despesas á vista e no vencimento. Ao fazê-lo, você evitará gastar dinheiro com taxas e multas inesperadas.

24. Como bons hábitos com finanças pessoais, aproveite cupons e códigos promocionais de lojas e serviços com a maior freqüência possível.

25. Se recuse pagar o valor do seu limite do cheque especial na conta bancária fora do prazo gratuito. Pagamentos fora do prazo de carência gera taxas de juros muito altas.

26. Use seu cartão de crédito para comprar coisas somente se você puder pagar a fatura na íntegra no final de cada mês (vencimento).

27. Aproveite as “dívidas boas” para comprar coisas que têm a possibilidade de aumentar de valor, ou fornecer um caminho para uma renda mais elevada no futuro.

Não conte com dinheiro que não está na sua mão

28. Nunca espere uma herança para resolver seus problemas de dinheiro.

29. Evite fazer empréstimos com agiotas para cobrir insuficiências financeiras temporárias. Elimine seus problemas com dinheiro diminuindo gastos e seguindo um orçamento bem ajusto para emergências.

30. Não confie na Seguro Social (INSS) como sua única e principal fonte de renda para aposentadoria.

31. Evite jogar constantemente na loteria. Há uma razão pela qual a loteria é conhecida como “Pega Trouxa”.

32. Sempre revise e atualize com regularidade suas metas de investimentos, poupança e economias para o futuro.

33. Nunca pague em excesso o valor dos seus seguros. Por exemplo, porque pagar por prêmios de seguro de carro ou automotivo mais altos se o seu histórico raramente faz reivindicações?

34. Resista ao desejo de comprar produtos financiados com cartão ou cheque especial só porque estão em promoção.

35. Compreenda plenamente como títulos, ações e outros instrumentos financeiros antes de investir neles.

36. Evite fumar cigarros. Este hábito caro é um dos “Quatro Cavaleiros que Matam” as finanças pessoais.

37. Evite comprar cupons de desconto (groupon) que você nunca usará.

38. Ignore a tentação de ficar acompanhando sites de ofertas.

39. Comprar um carro financiado zero, carro semi-novo ou carro usado e mantê-lo por pelo menos por cinco anos. A compra de carros novos na maioria das vezes é desnecessária, porque eles podem fazer você perder até 15% do valor no momento em sai da loja e mais 30% nos próximos três anos de idade.

40. Se o carro não precisar de gasolina especial, use a gasolina comum, ele vai funcionar do mesmo jeito.

41. Verifique regularmente seu scorehistórico de crédito por erros e sinais de fraude, ou possível roubo de identidade. Você tem direito a relatórios de crédito gratuitos na Serasa, SPC Brasil e SCPC Boa Vista – isso significa que, com o planejamento adequado, você pode realmente fazer uma atualização a cada três meses!

42. Ao investir, procure diversificar e equilibrar suas alocações para minimizar perdas em caso de grande desaceleração do mercado.

43. Negocie sempre que houver a oportunidade de pagar à vista.

44. Evite ser muquirana (mão de vaca) como meio de alcançar a prosperidade financeira e bons hábitos com finanças pessoais.

45. Não acredite que você só pode economizar muito dinheiro cortando todas as despesas. Se fosse assim mendigos seriam ricos.

Como hábitos com finanças pessoais crie sempre metas e objetivos

46. ​​Ocasionalmente, seja recompensado por bater suas próprias metas financeiras e ocasiões especiais.

47. Mantenha um fundo financeiro para eventual emergência. Todos deveriam ter entre três e seis meses de despesas reservadas em um banco.

48. Resista ao desejo de usar seu fundo de emergência para coisas não emergências.

49. Evitar pagamentos de juros sempre que possível.

50. Trate sua casa como uma pequena empresa ou negócio.

Ao assumir um papel ativo no gerenciamento de suas finanças pessoais ou da sua casa, busque maneiras de maximizar sua renda – você assegurará um futuro financeiro muito melhor. E, quem sabe, você também pare de morder suas unhas e criando hábitos com finanças pessoais mais eficazes. Boa Sorte!

50 hábitos com finanças pessoais que todos deveriam seguir
Média 529 votos

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Mais em Finanças

empréstimo até 90 mil
crefisa empréstimo para negativado
Subir