Conecte-se conosco

Guia Básico para iniciantes em Bitcoins – Compra e venda !

Guia Básico para iniciantes em Bitcoins – Compra e venda !

Recentemente o noticiário econômico tem sido invadido com notícias sobre o mercado de Bitcoins. De um lado, os entusiastas e as informações de pessoas comuns que se tornaram bilionárias com a compra de Bitcoins: “Corretoras” de bitcoin crescem até 1.400% no faturamento em 2017” ou “Bitcoin supera US$ 5.200 e atinge novo recorde com rumores de boa notícia da China“. De outro lado, o cenário quase apocalíptco da instabilidade da criptomoeda “Bitcoin despenca 10% em cerca de uma hora de negócios” ou “Com queda abrupta, bitcoin já faz os primeiros ex-bilionários“.

Mas como entender de verdade os bitcoins e não ficar perdido no assunto?
Confira nosso Guia Básico para iniciantes em Bitcoins! 

O que são Bitcoins ?

A primeira coisa que você precisa entender é o que são Bitcoins. O bitcoin é uma criptomoeda. Aqui você entende melhor porque investir em criptomoedas como o Bitcoin. Ou seja, uma moeda digital. Uma moeda como o Real, o Euro ou o Dóllar. A grande diferença é que ela não existe no mundo real, ou seja, você não vai conseguir chegar num caixa e sacar Bitcoins. Mas você pode fazer diversas transações. A FIAP, em São Paulo, aceita Bitcoins para pagamento de vários cursos, assim como a Dell, fabricante de computadores e até mesmo pousadas e Hotéis.

Como adquirir Bitcoins ?

Existem basicamente duas formas de usar seu dinheiro para fazer investimentos em Bitcoin. A primeira delas é comprando, assim como você compra dólares para viajar para o exterior, os Bitcoins estão à venda em diversas Casas de câmbio de criptomoedas, assim como de pessoas que já possuem bitcoins.
Guia Básico para iniciantes em Bitcoins
A segunda forma é através da mineração de dados, onde o computador é utilizado para confirmar a veracidade de um bloco de de conteúdo criptografado através do protocolo de confiança Blockchain. Parece muito complicado? Não é. Entenda melhor abaixo.

É seguro ter Bitcoins ?

A resposta mais correta é simnão. Como assim? Bem, o Bitcoin utiliza um sistema de protocolo de confiança chamado de Blockchain e ele é extremamente seguro. Isso é graças a um mecanismo de Prova de Trabalho (do inglês Prove of Work), o PoW.

Esse mecanismo usa o poder de processamento dos computadores de mineração para resolver cálculos matemáticos gigantescos e muito complicados que estão dentro dos blocos de dados. Cada um desses blocos possui um conteúdo e uma impressão digital, um código único. No caso do Bitcoin o conteúdo é uma transação financeira.

O Blockchain é uma rede, como a da internet da sua casa. Todos os blocos estão encadeados. Lembra-se que já falamos sobre o PoW? Pois bem, é aqui que a mágica acontece. O Blockchain é uma rede de blocos. Cada bloco com um conteúdo e uma assinatura digital.

O bloco seguinte terá, obrigatoriamente a assinatura do bloco anterior e um conteúdo novo e só depois de processar essas duas informações gera uma nova assinatura que estará no bloco seguinte. Os computadores mineradores são responsáveis por realizar esses cálculos e informar o resultado para a rede. Uma vez informado outros mineradores confirmam a veracidade e, consequentemente, a transação.

Perdas e Riscos na compra e venda de Bitcoin

Assim como qualquer moeda, os Bitcoins sofrem valorização ou desvalorização e é por isso que temos visto tanto assunto sobre o tema. E é aí que mora um dos grandes riscos do Bitcoin: assim como o mercado de ações e moedas ele está suscetível a variação de valor influenciadas por políticas econômicas e financeiras globais. É por isso que muitos especialistas não recomendam o investimento em Bitcoins. Parte disso porque trata-se de um ativo sem regulamentação.

Leia aqui sobe a Coinbase para criar carteira de compra e venda de moeda digital.

Vale ressaltar que todas as moedas do “mundo real” são atreladas a um governo. Ou seja, o Real é a moeda do Brasil, o Dólar é a moeda dos Estados Unidos da América. Em todos esses exemplos há a figura de um Banco Central. Um banco que comanda as operações financeiras de determinada moeda. É essa instituição que valida as operações financeiras da moeda. No caso do Bitcoin não. No Bitcoin (e várias outras criptomedas) essa validação é feita através do Blockchain que já explicamos acima.

Dicas gerais sobre Bitcoin

Se você gostou do assunto e quer mesmo começar a adquirir Bitcoins, temos essas dicas básicas importantíssimas:

  1. Pesquise com muito cuidado a idoneidade e segurança da sua carteira virtual. É nela que você vai deixar suas frações de Bitcoins – que são códigos alfanuméricos gigantes – e se você (ou a instituição em que você mantém sua carteira) perderem esse número já era.

A dica acima também vale para comprar bitcoins. Pesquise bastante a empresa (ou pessoa) que irá vender Bitcoins para você. Há muita fraude e como não há uma regulamentação, se você for enganado perde todo seu investimento.

Guia Básico para iniciantes em Bitcoins – Compra e venda !
Média 4.136 votos

Continue Lendo
Patrocinadores
Clique para comentar

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Mais em Criptomoedas

Cartão de crédito sem consulta restrição ou nome sujo
empréstimo até 90 mil
crefisa empréstimo para negativado
Subir