Para Habitação

Financiamento sem juros e reajustes para compra da casa própria

O projeto se espelha na Lei Rouanet, para criar políticas de incentivos fiscais para possibilitar empresas privadas e do governo no financiamento habitacional sem juros.

Comprar casa própria financiada sem juros. Esse parecer ser o sonho da maioria da população brasileira de baixa. Existe alguma possibilidade de obter crédito para financiamento sem juros se tornar realidade? Por incrível que possa parecer, há um projeto de lei circulando que prevê o financiamento de casas próprias sem juros ou acréscimos.

Conceder financiamento integral do valor do imóvel novo em longo prazo para moradia, sem acréscimos de juros e reajustes das parcelas durante todo o período do plano contratado! Este formato de financiamento tratasse do objetivo traçado no “Projeto de Lei da Casa Própria”, o intuito é ajudar os cidadãos de baixa renda e carente na obtenção de “empréstimo imobiliário habitacional” sem a cobrança de juro.

Quem esta idealizando esse projeto de lei é Carlos Alberto Rotermund, empresário do ramo imobiliário. “A proposta descrita nos textos do projeto visa oferecer financiamentos sem juros para a população das classes D e E, famílias que tenham baixa renda e para aqueles que os bancos privados não querem atender.”

Na verdade não se trata de nenhum milagre da matemática financeira, o sistema seguirá em moldes parecido aos de consórcios, são formados grupos com 1.000 pessoas ou mais que serão contempladas seguindo uma metodologia pré-estabelecida pelos próprio integrantes do grupo. “O valor do financiamento de casa própria sem juros e reajustes podem chegar a R$ 500 mil reais”.Financiamento de casa própria sem juros e reajustesPara liberar o dinheiro para compra da casa, um grande esquema é montado, mas para isso, a regulamentação da operação de angariação do fundo tem que ser feito, ele será chamado de “Fundo Rotativo Solidário da Habitação” (FRSH), com a gestão organizada pelo 3º setor.

A captação dos recursos (dinheiro vivo) seria angariado de empresas privadas e do governo para fazer existir as cartas de crédito sem a cobrança de juros e reajustes anuais.

O projeto se espelha na Lei Rouanet, essa lei cria políticas de incentivos fiscais para possibilitar empresas privadas direcionarem parte do imposto de renda devido em ações culturais. O projeto de Lei da Casa Própria busca que politicas parecidas sejam criadas, porém voltadas para o mercado habitacional.

Ao contrário de outros programas no país e de um projeto parecido existente que já beneficiou cerca de 600 pessoas com aquisição somente de imóveis mais afastados das capitais, nesse projeto o mutuário vai poder escolher em qual região deseja comprar o seu imóvel para morar.

Mas outro detalhe importante, o projeto de Lei da Casa Própria não é assistencialista como todos sabem que é Minha Casa Minha Vida. Nesse a pessoa contemplada terá de arcar com as parcelas do inicio até o final do prazo do financiamento sem juros escolhido.

Vale mencionar que o projeto tem pouco mais de meio milhão de assinaturas, no entanto, para a lei ir para votação no senado é preciso cerca de 1,4 milhão.

Financiamento sem juros e reajustes para compra da casa própria
Avalie esta postagem

Account Manager, Consultora e Blogueira - Trabalhou com produtos e serviços de crédito no segmento financeiro. Atualmente é produtora de conteúdo e escreve sobre linhas de crédito, financiamentos e finanças.

6 Comentários

  1. bom dia estou precisando de 15,000 para reformar minha casa e queria com taxas de juros bem baixa.será possível aprovar esse valor?a minha renda é de 1300 R$

  2. Bete Oliveira Responda

    Por favor gostaria de tirar uma dúvida. Minha filha quer financiar uma casa de aproximadamente 240.000, 00, utilizando o fundo de garantia como entrada no valor de 10.000, a renda dela é de 2800, 00. Seria possível conseguir um financiamento?

  3. sonia regina lopes de souza Responda

    O seu projeto seria maravilhoso,mais como tudo nesse pais de corrptos etc.. fica complicado.Veja o meu caso sou pensionesta do estado tenho uma certa condiçoes de poder pagar ate 2,000,00 por mes por uma casa no entanto nao consigo e nao entendo o porque voce tem que dar uma entrada que geralmente ai e que ninguem consegue ter esse dinheiro.Na caixa por ex.perguntei sobre o financiamento eles me responderam assim,que para uma casa nova eu teria que ter 25 por cento ,E ai que nos brasileiros nao conseguimos nossa casa nao por nao consegui pagar as prestaçao e sim por nao ter essa tal entrada.sem essa entrada ,
    qualque brasileiro conseguiria esta pagando sua casinha.Eu so nao entendo o porque o governo faz isso , ,

  4. Estou procurando o contato de vc… preciso muito.. obg
    parabéns pelas ideia.. sou uma que sonha com a casa própria e projetos que possibilitaram o financiamento para pessoas de baixa renda…

  5. Carla Karluti, o seu blog é muito bom, gosto de ler. Só uma dúvida: quanto a esse projeto da casa própria, sem juros e sem aumentos anuais, quando vai ser liberado a casa? será como no consórcio?

    • Olá Ozair,

      Tudo Bem? A ideia é boa, é apoiada na lei, seguramente funcionaria, mas nesse país quando se trata de beneficiar ou mudar as regras do jogo, tudo fica mais dificil para quem esta na frente do projeto. O “Projeto de Lei da Casa Própria” parece que parou no tempo, a página no face não é atualizada desde 8 de fevereiro de 2013, o site http://leidacasapropria.org esta no templete ainda, ou seja, começaram e não deram prosseguimento e as assinaturas empacaram.

      Quer dizer… esta no sonho e pouco tem a possibilidade de se tornar real, as vezes a pressão do setor é tão grande que pra você sobreviver é preciso parar, lembra do Eike Batista, foi destruído por forças maiores que ele, lembra do Fairplace – Comunidade de empréstimos, modelo de empréstimo social com juros baixíssimos que foi esmagada pelo setor financeiro, considerado ilegal e até hoje ninguém vê falar mais, é isso!!!

      At.
      Carla K.

Escreva um comentário