Ficar sem dividas pegando empréstimo pessoal

Como você pode reduzir dívida? Será que é possível reduzir ou ficar sem dívidas pegando um empréstimo? Isso parece até loucura, descubra se é...

Ficar sem dividas pegando empréstimo
Ficar sem dividas!!! Compensa fazer empréstimo para quitar dividas? Sonho de milhares de brasileiros no momento, mas, será que é possível reduzir ou ficar sem  dívida pegando um empréstimo de dinheiro? Isso parece até loucura mais não é mesmo. Qualquer pessoa pode resolver problemas com endividamento simplesmente pegando um novo empréstimo ainda que parece improvável. Você já deve ter ouvido um famoso ditado popular que diz: “Dívidas e juros crescem sem chuva”. Faz todo sentido esse ditado.

A verdade é que algumas dívidas que adquirimos são divertidas, principalmente quando as adquirimos, mas não é tão divertida assim quanto temos que pagá-las. O Brasil esta passando por um momento delicado, mas não é por isso que você deve ter ouvido falar da famosa armadilha da dívida, aquela que quando você vê, já não dá mais tempo de voltar atrás.

Sabia que tem pessoas que simplesmente não conseguem controlar seus gastos e fazem dívidas atrás de dívidas. A pessoa gasta mais do que ganha e ainda reclama do patrão. Pede dinheiro emprestado somente para atender suas necessidade de consumo. É claro que uma hora ou outra a bola de neve vai passar por cima junto com dívida acumuladas.

Como você pode reduzir dívida?

Ficar sem dividas dispendiosas. Ninguém consegue viver apenas desembolsando juros compostos de empréstimos … Não importa qual o tipo de empréstimo, seja empréstimo pessoal ou empréstimo consignado em folha ou com garantias. Muitas já caíram nas armadilhas da dívida. Você pode ter aproveitado um empréstimo de carro, um empréstimo de casa ou mesmo um empréstimo com restrição com juros altos, dívidas de cartão de crédito etc.

Qualquer que seja, você tem apenas que reduzir sua dívida. Então, quais os empréstimos que você deve pagar? Comece com consignado, penhor da Caixa, garantia de imóvel ou veículo. Depois é só você deve se livrar de dívidas de cartão de crédito e em seguida seus empréstimos pessoais mais caros o mais rápido. O empréstimo pessoal e cartão de crédito são operações financeiras sem garantia, ou seja, inseguros e dívidas não segura, por isso são cobradas taxas tão alta de juros.

Para termos um ideia, um cartão de crédito cobra juros de até 360% a 493% ao ano na melhor das hipóteses. Um empréstimo pessoal chega a cobrar um interesse de cerca de 284% a 350% ao ano. Agora você sabe por que você deve pagar seus empréstimos pessoais e reduzir dívida de cartão de crédito primeiro.

Você deve parar de pagar seu financiamento do carro e empréstimo da casa? Definitivamente não. Você deve regularizar os pagamentos que estiverem em atraso, inclusive os empréstimos de carro e empréstimos da casa para ficar sem dividas. Simples. Você deve concentrar seus esforços no pagamento dos empréstimos que têm maior interesse e não negligenciar outros empréstimos.

Seu salário aumentou?

Seu chefe ou empresa acabou de conceder um aumento no seu salário … O que você vai fazer com esse dinheiro extra? Muitos adotam o sistema “ganhe mais para gastar mais.” Se este é o seu caso, é melhor pedir ajuda ou mudá-lo imediatamente. Você tem dívida futuras ou em inadimplentes, pague elas antes de começar pensar no que pode fazer com esse dinheiro. Você pode antecipar parcelas do empréstimo habitação e reduzir o tempo de pagamento por exemplo.

Solicitar um empréstimo pessoal

Conta básica. Um cartão de crédito cobra juros de até 18 % a 25% ao mês. Um empréstimo pessoal cobra juros de 9% a 14% ao ano. Não seria prudente aproveitar um empréstimo pessoal imediato e quitar as faturas de seus cartões de crédito? Você poderia economizar muitos coma as altas taxas de juros.

 Reflexão : “A dívida é como uma corrente amarrada ao seu pé, você não poderá ir mais longe se você não se livrar dela.”

3 comentários - Faça um comentário

Comente aqui !