Empréstimo e Dívidas, sua vida financeira nas mãos de bancos

Fazer empréstimo é entrar em dívidas? É ruim obter empréstimo e dívidas? Confira se vale a pena pegar dinheiro emprestado em bancos e financeiras

Pegar empréstimo é entrar em dívidas? Uma amiga me perguntou – “É ruim fazer empréstimo e dívidas? Fazer empréstimo era prejudicial e se ao contrair dívidas, tirava o meu poder? Tenho falado aqui no www.portaldoemprestimo.com sobre os dois lados dessa moeda, o quanto pegar um empréstimo pode ser saudável para uma pessoa e o quanto adquirir dívidas ajuda um cidadão em sua vida patrimonial e controle de gastos, se ambos forem bem usados, claro!
Empréstimo e Dívidas

É óbio que quase tudo em nossas vidas existem o lado bom e o lado negro, nós mesmos conduzimos nossas decisões, e quanto essas decisões não são acertadas, a penalização vem a cavalo e a queda pode ser bem feia. Emprestar dinheiro e oferecer dívidas para as pessoas é o combustíveis que faz mover o sistema financeiro, sem crédito, sem empréstimo, sem dívidas e sem comércio para gerar proventes com as dívidas, o que aconteceria com o mundo.

Os credores precisam lucrar com o empréstimo de dinheiro, com o acréscimo de juros em operaçoes financeiras, com a cobrança de taxas e encargos, e todo tipo de serviços e produtos geradores de crédito para se tornarem dívidas no seu bolso, você já pensou como seria sua vida sem ter crédito, sem ter feito alguma dívida, sem ter feito financiamento.

Atualmente os setores bancários, financeiros e governo no setor da economia, estão se esforçando e forçando a barra para aumentar o poder de compra e aquisitivo dos cidadãos, estão tentando maximizar os nossos ganhos – aumentando a renda, para os mutuários – baixando os juros e para os devedores – renegociando suas dívidas, porém, nada é de graça, de alguma forma “quando ganhamos, perdemos” aqui no Brasil – os americanos dizem, “quando perdemos, ganhamos”. Na economia brasileira, veja o exemplo: lembra da fantastica e histórica redução dos juros, legal, até ganhamos alguns trocados com os juros baixos, porém vamos deixar muito mais com o aumento na cobrança de taxas de serviços bancários e afins, assim que começou a briga dos bancos, meu pacote aumentou R$ 10 reais, a troca parece boa, só para um lado, não tenho dúvidas, você têm. Portato, cuidado com o banco e o tipo de operação você vai fazer, nem sempre uma porta aberta e convite para entrar.

Quando você usa o empréstimo pessoal, o empréstimo hipotecário, o empréstimo imobiliário ou qualquer forma de dinheiro emprestado de forma conciente, planejada e responsável, certamente os frutos dessa ação será satisfatório, essa dívida adquirida certamente vai melhorar sua vida patrimonial e ajudar conter outras dívidas desnecessárias e supérfluas, mesmo sendo uma dívida.

“O empréstimo e a dívida só são ruins quando ela trás ao cidadão transtornos financeiros, quando tira o sossego, quando lemina o poder de compra e subexistencia, quando atrai cobradores a sua porta e o seu telefone não para de tocar, quando a caixa do correio é entupida com comunicados e avisos da Serasa e SPC que seu nome será inscrito em dez dias se a dívida não for paga, quando o sono não consegue chegar até você, porque está pensando com irá resolver a situação e quando o seu crédito é destruído por dívidas maiores que os seus ganhos”

Se você precisa de um empréstimo, de crédito, financiamento ou ter que contrair dívidas, faça, mais faça conciente que são dívidas e terá que pagá-las, faça sabendo da real necessidade de fazer a dívida, faça sabendo quanto será pago e o quanto irá comprometer sua vida financeira.

Comente aqui !