Skip to content

Como aproveitar empréstimo de consolidação da dívida

Porque o empréstimo de consolidação de dívida pode ter ajudar? De todas as formas possíveis e conhecidas para sair do vermelho e aumentar seu patrimônio líquido em um curto período, com a consolidação da dívida é forma mais rápida e eficaz. Quantas vezes você enfrentou uma escolha entre sem manter no seu orçamento, desfrutar da festa de aniversário de um amigo ou sair com os colegas de trabalho para um happy hour?

As despesas vão se somando, os reembolsos de empréstimos e financiamentos também, às vezes passar um cartão de crédito parece ser a maneira mais fácil de resolver um problema a curto prazo, mas é dívida do mesmo jeito. Talvez você esteja ficando exausto pelo fato da sua renda ser menor que suas despesas e dessa maneira fica difícil de viver.

E é aí que a consolidação de dívidas pode ajudar: troque pagamentos de múltiplos empréstimos para um novo empréstimo com taxas menores e termos mais justos que funcionem melhor para sua situação financeira atual. Pode levar apenas uma porção de minutos ou horas para poupar milhares de reais ao consolidar diminuindo o curso de sua obrigação com dívidas ou permitir que você pague sua dívida mais cedo evitando o estresse de pagar por meses vários empréstimos ao mesmo tempo. Vamos entender como.

Como funciona o empréstimo de consolidação

Um empréstimo de consolidação da dívida pega todas as suas dívidas e as substitui por um novo empréstimo, tornando o reembolso mais conveniente, mais barato com o agrupamento de múltiplos pagamentos em um único.
Como aproveitar os empréstimo de consolidação da dívida
Embora os prazos sejam diferentes, a consolidação da dívida geralmente oferece a oportunidade de diminuir seus pagamentos mensais ou diminuir o valor que você pagará no total. Consulte todas as opções com base no seu objetivo principal.

Como você pode ver, se os pagamentos mensais mais baixos funcionarem melhor para sua situação financeira, você pode consolidar com um prazo de empréstimo mais longo ou um empréstimo com taxa de juros mais baixo. Se você preferir pagar um saldo menor, você pode consolidar com um empréstimo de prazo mais curto, ou com uma taxa de juros mais baixa.

Os empréstimo de consolidação das dívidas podem abrir espaço para você respirar melhor financeiramente. Vale mencionar que eles não eliminam o montante total da dívida. A idéia é tentar tornar as dívidas mais acessíveis para o mutuário, e mais fácil de pagar reduzindo alguns valores sejam as parcelas, seja o valor total durante a vigência do contrato.

Você pode gerenciar sua dívida e pagamentos com 5 etapas básicas:

1. Conheça sua dívida

Encontre o saldo do principal e a taxa de juros para cada uma das suas dívidas, incluindo empréstimos pessoais, crédito ao consumo, financiamentos e cartões de crédito.

2. Conheça seu objetivo

Determine qual o objetivo para fazer a consolidação das suas dívidas. Quer reduzir o valor total dos pagamentos ou manter o mesmo prazo e pagar menos por mês? Revise suas prioridades e pense sobre o que seria mais útil para você e suas finanças.

3. Encontre sua nova taxa de juros e prazos de empréstimo

Existem várias empresas que irão ajudá-lo à consolidar suas dívidas, desde bancos, financeiras e cooperativas de crédito até credores online. Muitas empresas lhe oferecerão taxa de juros baseadas em sua pontuação, mas alguns credores reconhecem que sua pontuação de crédito não o define.

Por exemplo, alguns credores examinam vários aspectos e fatores além do histórico e pontuação na tentativa de oferecer as melhores taxas possíveis, mesmo que você não tenha nome limpo na praça.

4. escolha a melhor opção para você

Uma vez que você encontrou um credor para contratar seu empréstimo de consolidação de dívidas que vai funcionar para seus objetivos, é hora de decidir. Verifique as taxas, as alterações da taxa de juros e as penalidades de pagamento antecipado se houver.

5. pague seu empréstimo

Depois do seu empréstimo para consolidação ser aprovado, você receberá um montante fixo que será depositado em sua conta bancária. Daí por diante depende de você pagar cada uma das dívidas anteriores.

Feito isso, defina uma data de pagamento para o seu novo empréstimo. Inscreva-o no débito automático do seu banco e esqueça-o. Você está indo no caminho da liberdade financeira em pouco tempo. Boa Sorte!

Como aproveitar empréstimo de consolidação da dívida
Média 4.524 votos