Empréstimo com Smartphone praticidade e menos burocracia

Empréstimo com Smartphone praticidade menos burocracia. É recarga de crédito para telefones celulares, empréstimo de celular ou empréstimo de crédito? Veja

Empréstimo com Smartphone? É possível? Não estamos falando de recarga crédito para telefones celulares ou empréstimo de celular, nem tão pouco empréstimo de crédito especial para adiantamento de saldo no seu Smartphone ou celular, é empréstimo com Smartphone para obtenção de pequenas quantias em dinheiro direto na sua conta liberado pelo seu banco ou financeira onde você possui crédito aprovado.

Segundo dados da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), hoje no Brasil existem 116 celulares a cada 100 pessoas, e as previsões indicam que até 2015 metade das que possuem o aparelho terão acesso à internet. Nada mais natural que bancos e empresas de telefonia entendam que o céu é o limite para a oferta de serviços por intermédio dos telefones móveis.

Os maiores bancos do país já divulgam que vão oferecer facilidades de empréstimo no celular, como pode ser constatado em uma visita ao site do Banco do Brasil, que informa sobre as inúmeras facilidades oferecidas ao correntista em vários serviços, tais como consultas de saldo e extrato, pagamentos diversos, transferências entre contas, aplicações e resgates, recargas de celulares pré-pagos e, finalmente, os empréstimos pessoais.

O Itaú vai ainda mais longe, e disponibilizou um vídeo no Youtube que explica o passo a passo da contratação de empréstimos com Smartphone, celulares e dispositivos móveis, com valores já aprovados anteriormente pelo banco. Valor, plano de pagamento e a melhor data para começar a pagar: tudo resolvido pelo celular.emprestimo com smartphone sem burocraciaO mercado de crédito e empréstimos pessoais é outro segmento que tem expectativas de crescimento, e as instituições financeiras também se mobilizam no sentido de aprimorar e/ou criar produtos que venham atender a demanda e facilitar a vida dos clientes. Soluções que permitam aos credores financeiros checar os dados do solicitante via Smartphone ou celular agilizam enormemente a operação e auxiliam a simular e definir a condição ideal para a concessão do empréstimo.

Esse tipo de operação é ideal para quem trabalha oferecendo empréstimos na rua, já que utilizando a telefonia celular grande parte da transação e todo o processo de checagem de dados e informações poderá ser adiantado, como a conferência de CPF e consulta ao Serasa. Tudo muito rápido via Smartphones dos tipos Blackberry, iPhone e Sansumg S3 e S4.

Ao que tudo indica, brevemente também poderemos dispor de uma “moeda eletrônica”, visto que tramita no Congresso um projeto de lei que permitiria que empresas de telefonia transfiram dinheiro, e, se for aprovado, o consumidor poderá efetuar inúmeras operações financeiras com o celular, inclusive a transação de pequenos valores de maneira independente aos bancos, que é claro que não estão gostando nada disso.

Para o consumidor seria um bom negócio, visto que os custos de operações financeiras seriam reduzidos, haveria economia de tempo e menos burocracia. Pessoas que residem em localidades onde não existem agências bancárias não teriam que se deslocar para outras cidades.

A ideia é de que torpedos atuem como dinheiro e sirvam também como “moeda eletrônica”. Mas nesse caso, a questão é mais complicada porque técnicos do Ministério da Fazenda, do Banco Central e do Ministério das Comunicações chegaram à conclusão de que seria necessária uma legislação específica para colocar em prática a medida.

14 comentários - Faça um comentário

Comente aqui !